Main Article Content

Resumo

Os gases oriundos da biodegradação dos resíduos nos aterros sanitários provocam um sério problema de poluição atmosférica a níveis local e global. Nesse contexto, empregam-se os sistemas de cobertura que possuem dentre os seus objetivos, a retenção das emissões fugitivas de biogás para a atmosfera. A pesquisa foi realizada na fase de operação de um aterro sanitário e tem por objetivo comparar as emissões fugitivas de biogás, enfocando o metano, em três sistemas de cobertura construídos em célula experimental: convencional, barreira capilar e evapotranspirativa. As investigações de campo consistiram em ensaios de placa de fluxo para mensurar a composição do biogás e o fluxo pelas camadas de cobertura. Os resultados indicaram que as emissões de biogás na camada convencional variaram de 7,5 a 389,0 g/m2.dia para o CH4.Na camada de barreira capilar, as emissões de CH4 variaram de 7,2 a 369,2 g/m2.dia A camada evapotranspirativa proporcionou o melhor desempenho em relação às demais camadas de cobertura, apresentando variação de 5,0 a 68,9 g/m2.dia para as emissões de CH4. A vegetação neste tipo de cobertura mostrou-se um fator decisivo para a proteção da camada, reduzindo as emissões de biogás para a atmosfera.

Palavras-chave: Aterro sanitário; Camada evapotranspirativa; Barreira capilar; Fluxo de gás.

Article Details

Como Citar
Araujo, T. T., & Ritter, E. (2017). AVALIAÇÃO DE EMISSÕES DE BIOGÁS EM CAMADAS DE COBERTURA DE UM ATERRO SANITÁRIO. Perspectivas Online: Exatas & Engenharias, 6(16). https://doi.org/10.25242/885X61620161054

Referências

  1. ABICHOU, T.; CHANTON, J.; POWELSON, D.; FLEIGER, J.; ESCORIAZA, S.; YUAN, L.; STERN, J. Characterization of Methane flux and oxidation at Solid Waste landfill covers. Journal of Environmental Engineering. Feb. p. 220-228, 2006.
  2. BORBA, P. F. S. Avaliação das emissões de GEE e BTEX em aterro sanitário de grande porte. 2015. 135 f. Dissertação (Mestrado em Engenharia Ambiental) – Faculdade de Engenharia, Universidade do Estado do Rio de Janeiro, Rio de Janeiro, 2015.
  3. CABRAL, A. R.; EL-GHABI, B.; PARENT, S-É.; MARINEAU, L. Design and performance of an experimental double capillary barrier cover placed. In.: Proceedings Sardinia, 11º International Waste Management and Landfill Symposium, S. Margherita di Pula, Cagliari, Italy, 2007.
  4. CZEPIEL, P. M.; MOSHER, B.; CRILL, P. M.; HARRISS, R. C. Quantifying the effect of oxidation on landfill methane emissions. Journal of Geophysical Research, v. 101, n. D11, p. 16.721-16.730, 1996.
  5. FERNANDES, J. G. Estudo da emissão de biogás em um aterro sanitário experimental. 2009. 101 f. Dissertação (Mestrado em Engenharia Ambiental) – Escola de Engenharia, Universidade Federal de Minas Gerais, Minas Gerais, 2009.
  6. JOAQUIM JUNIOR, G. O. Comparação de desempenho de sistemas de cobertura em relação à infiltração de água pluvial no aterro sanitário de Seropédica (RJ), durante a fase de operação. 2015. 215 f. Tese (Doutorado em Ciências) – Escola de Química, Universidade Federal do Rio de Janeiro, Rio de Janeiro, 2015.
  7. LOPES, R. L. Infiltração de água e emissão de metano em camadas de cobertura de aterros de resíduos sólidos. 2011. 250 f. Tese (Doutorado em Engenharia Civil) – Programa de Pós-Graduação em Engenharia Civil, Universidade Federal de Pernambuco, Recife, 2011.
  8. MACIEL, F. J. Estudo da geração, percolação e emissão de gases no aterro de resíduos sólidos da Muribeca/PE. 2003. 173 f. Dissertação (Mestrado em Engenharia Civil) – Centro de Tecnologia e Geociências, Universidade Federal de Pernambuco, Recife, 2003.
  9. MARIANO, M. O. H. Avaliação da retenção de gases em camadas de cobertura de aterros de resíduos sólidos. 2008. 243 f. Tese (Doutorado em Engenharia Civil) – Centro de Tecnologia e Geociências, Universidade Federal de Pernambuco, Recife, 2008.
  10. OLIVEIRA, A. C. E. Diagnóstico e avaliação de emissões fugitivas de biogás na camada de cobertura final da central de tratamento de resíduos de Nova Iguaçu e do lixão de Seropédica, Rio de Janeiro. 2013. 142 f. Dissertação (Mestrado em Engenharia Ambiental) – Faculdade de Engenharia, Universidade do Estado do Rio de Janeiro, Rio de Janeiro, 2013.
  11. PARK S.; LEE, C.; RYU, SUNG, K. Biofiltration for Reducing Methane Emissions from Modern Sanitary Landfills at the low methane generation stage. Water Air Soil Pollute. v. 196, p. 19–27, 2009.
  12. TCHOBANOGLOUS, G.; THEISEN, H.; VIGIL, S. A. Integrated Solid Waste Management – Engineering principles and management issues. MCGraw-Hill International Editions, p. 978, 1993.
  13. TEIXEIRA, C. E.; TORVES, J. C.; FINOTTI, A. R.; FEDRIZZI, F.; MARINHO, F. A. M.; TEIXEIRA, P. F. Estudos sobre a oxidação aeróbia do metano na cobertura de três aterros sanitários no Brasil. Eng. Sanit. Ambient., v. 14, n. 1, p. 99-108, 2009.