Main Article Content

Resumo

Considerando que a água é um elemento essencial para a vida e que a qualidade da água fornecida à população tem influência direta em sua saúde, este estudo tem o objetivo de verificar a qualidade da água de abastecimento da Comunidade Tamarindo, localizada na cidade de Campos dos Goytacazes/RJ.  As comunidades são caracterizadas pela ocupação irregular e de baixa renda, cuja população representa uma parcela da sociedade excluída da maioria dos serviços públicos que deveriam ser prestados a todos os cidadãos. Para o desenvolvimento da pesquisa, foram aplicados questionários por meio de visitas in loco, com o intuito de verificar a percepção dos moradores acerca do saneamento básico local, principalmente no que diz respeito ao fornecimento de água potável. Foram identificados  pontos de coletas com base na estrutura física da comunidade e após a identificação, coletaram-se 12 amostras da água fornecida a população para análise físico-química e 24 amostras para análise bacteriológica. Após a coleta, as amostras de água foram levadas para o laboratório da Fundação Norte Fluminense de Desenvolvimento Regional – FUNDENOR que realizou análise dos parâmetros pH, condutividade elétrica, potássio, sódio, cálcio, magnésio, ferro, cobre, zinco, manganês, carbonato, bicarbonato, enxofre, cloreto, chumbo, cádmio, turbidez e cloro residual e, posteriormente, os resultados foram comparados com os padrões de potabilidade estabelecidos pela Portaria 2.914/11 do Ministério da Saúde. Os resultados indicaram que os parâmetros coliformes totais e coliformes termotolerantes estavam acima dos valores permitidos na torneira interna da Casa1, a  turbidez  apresentou valor elevado  na torneira interna da Casa 5 e o cloro residual livre estava abaixo do valor permitido na torneira interna das Casas 1, 2 e 5  . Os demais parâmetros estavam de acordo com a faixa de valores máximos e mínimos estabelecidos pela referida Portaria. Para ser considerada de qualidade, é necessário que a água de abastecimento apresente padrões de potabilidade que atendam as normas legais. Confirmou-se que a água fornecida a Comunidade Tamarindo é de boa qualidade e que a presença de parâmetros com valores fora dos limites permitidos ocorreu devido à falta de conscientização humana no que diz respeito à higiene sanitária, sendo necessário adotar medidas de caráter informativo sobre medidas preventivas e corretivas para manter o nível de qualidade da água que chega à Comunidade. Com isso, percebe-se que a qualidade da água fornecida não garante a qualidade da água consumida, não sendo suficiente para garantir a saúde da população.

 

Palavras-chave: Água de Abastecimento, Qualidade, Comunidade.

Article Details

Como Citar
de Souza, F. P., Pertel, M., Teixeira, T., Ferreira, A. V., Menezes, L. E. de C. F., & Pereira, P. S. F. (2015). QUALIDADE DA ÁGUA DE ABASTECIMENTO DA COMUNIDADE TAMARINDO EM CAMPOS DOS GOYTACAZES/RJ. Perspectivas Online: Exatas & Engenharias, 5(11). https://doi.org/10.25242/885X5112015602