Main Article Content

Resumo

O presente artigo apresenta uma análise referenciada nos clássicos do pensamento social brasileiro, sobre a Revolução Burguesa no Brasil, salientando seu caráter eminentemente autocrático. Para tanto, resgata, de forma breve, como se efetivou o desenvolvimento do modo de produção capitalista brasileiro para, assim, discorrer sobre um viés ainda hoje muito atual: a particularidade da revolução burguesa no Brasil.

 

Article Details

Biografia do Autor

Melissa Botelho de Oliveira, Universidade do Estado do Rio de Janeiro.

Assistente social com experiência na área de Assistência Social e no campo Sociojurídico.

Atualmente, mestranda do Programa de Pós-graduação em Serviço Social da Universidade do Estado do Rio de Janeiro.

Como Citar
de Oliveira, M. B. (2014). O CARÁTER AUTOCRÁTICO DA REVOLUÇÃO BURGUESA NO BRASIL. Humanas & Sociais Aplicadas, 4(9). https://doi.org/10.25242/887649201460